Como o Steel Frame contribui para os ODS?

Steel Frame e ODS

 

Você deve estar se perguntando: qual a relação entre o Steel Frame e os ODS? Os Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS) são 17 metas globais criadas pela ONU para promover a prosperidade e a igualdade mundial até 2030. 

Primeiramente, é importante saber que o desenvolvimento sustentável é um conceito que visa utilizar recursos naturais de forma justa, sem comprometer a capacidade de atender as necessidades das futuras gerações. Portanto, se trata de um sistema que pretende unir o desenvolvimento econômico com a responsabilidade ambiental.

Em segundo lugar, vale lembrar que a construção civil é uma das grandes responsáveis por causar impactos no meio ambiente, seja em relação ao consumo ou ao desperdício. Pensando nisso, alguns dos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável também são aplicados na construção civil.

 

A história dos ODS

Em setembro de 2015, a ONU reuniu 193 Estados-membros para a Cúpula do Desenvolvimento Sustentável em Nova York. Neste encontro, os ODS surgiram a partir de um projeto de uma agenda ambiental com prazo para 2030. 

Os ODS são uma continuidade dos oito Objetivos de Desenvolvimento do Milênio (ODM), que tiveram sucesso no combate à pobreza mundial de 2000 a 2015.

Conheça cada um deles: 

Os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS)
Os 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS).

 

 

A Agenda 2030

A Agenda 2030 é um ambicioso conjunto de metas globais criado pela ONU para as pessoas, o planeta e a prosperidade, com o propósito de fortalecer a paz universal com mais liberdade. 

Segundo o site oficial da Agenda 2030 no Brasil,  “o plano indica 17 Objetivos de Desenvolvimento Sustentável, os ODS, e 169 metas, para erradicar a pobreza e promover vida digna para todos, dentro dos limites do planeta.”

 

Como o Steel Frame contribui para a natureza

A sustentabilidade é uma das grandes tendências para o futuro da construção civil. Seja por afinidade com as causas ambientais ou economia de dinheiro, várias proposta sustentáveis vem ganhando espaço no mercado, como por exemplo o Steel Frame.

Quase sem geração de resíduos ou uso de água, o sistema faz parte da construção a seco e chama atenção pela sustentabilidade e velocidade das obras. Acima de tudo, o aço do material é 100% reciclado, ou seja, bem mais ecológico do que a alvenaria. 

Os sistemas de construção tradicionais, por exemplo, geram mais entulho do que a construção a seco. Neste método construtivo, calcula-se exatamente a quantidade de placas de drywall e perfis de aço para cada projeto. Além disso, todo o material pode ser reutilizado.

Segundo a Associação Brasileira para Reciclagem de Resíduos da Construção Civil e Demolição – ABRECON, o Brasil produz aproximadamente 84 milhões de metros cúbicos de resíduos de construção civil e demolição por ano.

 

O Steel Frame e os ODS

Como o Steel Frame contribui para os ODS? Podemos relacionar o Steel Frame aos ODS 6 (Água e Saneamento para todos); 9 (Indústria; Inovação e Infraestrutura); 11 (Cidades e Comunidades Sustentáveis) e 12 (Consumo e Produção Responsáveis). Confira:

  • Água potável e saneamento (ODS 6): Assegurar a disponibilidade e gestão sustentável da água e saneamento para todos;
  • Indústria, inovação e infraestrutura (ODS 9): Construir infraestruturas resilientes, promover a industrialização inclusiva e sustentável e fomentar a inovação;
  • Cidades e comunidades sustentáveis (ODS 11): Tornar as cidades e os assentamentos humanos inclusivos, seguros, resilientes e sustentáveis;
  • Consumo e produção responsáveis (ODS 12): Assegurar padrões de produção e de consumo sustentáveis.

Pois é, o Steel Frame é realmente incrível! Além de super inovador, ele também pode ser encaixado em uma proposta sustentável e, sobretudo, nos Objetivos de Desenvolvimento Sustentável (ODS)!

Porém, não se esqueça: o consumo consciente também deve ser levado em conta na hora de reduzir os impactos ambientais.

 

 

E aí? Gostou do conteúdo sobre “Como o Steel Frame contribui para os ODS”? Comente aqui alguma sugestão de conteúdo para o próximo post!

Deixe um comentário